Após várias reclamações a prefeitura de Gravatá tem o "BOM SENSO" de reabrir a rua do Polo Moveleiro - Gravatá em minhas lentes

Recentes

http://www.gravataemminhaslentes.com.br/

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Após várias reclamações a prefeitura de Gravatá tem o "BOM SENSO" de reabrir a rua do Polo Moveleiro



O dia de ontem ( 23/o6 ) sempre foi um dos dias que Gravatá mais lucra no período junino, e a Duarte Coelho a rua do Polo moveleiro é uma das mais frequentadas pelos turistas que deixam cerca de 8 milhões naqueles comércios durante esse período.

A rua ainda é a principal entrada da cidade e inexplicavelmente a rua foi fechada para o trafego de carros, dando um enorme prejuízo aos comerciantes  do Polo.

O que  pude ver ontem foi lojas vazias, comerciantes desesperados, turistas perdidos e muita falta de organização.

Após um grupo de empresários fazerem varias reclamações, turistas revoltados fazerem queixas e rios de mensagens de indignação nas redes sociais a prefeitura municipal através da intervenção estadual resolveu por abrir a rua hoje.

Tenho várias coisas que queria falar sobre este caso, mas pra não mandarem tirar meu blog do ar "de novo", prefiro dar os parabéns a intervenção por ter ouvido a reivindicação dos GRAVATAENSES que moram e vivem do comércio da cidade.

Há detalhe...
... só no dia de ontem o prejuízo girou em torno de 2 milhões só no Polo Moveleiro.

" É tempo de trabalho! " esse é o slogan usado pela intervenção.
Então deixem o povo trabalhar!!!

2 comentários:

  1. O agir sem pensar mais uma vez aconteceu em nossa cidade! Prejuízo é a palavra que se encaixa! Agora vem uma pergunta: Haveria algum evento no Pólo Moveleiro ara que pudesse bloquear o seu acesso? Mesmo assim houve alguma sinalização para que as pessoas soubessem que rumo seguir e não ficassem perdidas? São erros graves como esse que podem afugentar turistas e veraneios!

    ResponderExcluir
  2. sexta eu tive que fazer mais de 12 km com retenções por culpa do absurdo de fechar o "giradouro", fiz uma volta absurda para chegar em casa. Caminhando teria demorado bem menos, e gastado zero gasolina. So era fazer o que sempre se faz. Alem disso, vi muito desespero e acidentes evitados no ultimo segundo. Sorte que fui embora desta cidade e só voltei hoje...

    ResponderExcluir

Post Top Ad