Estudante Gravataense morre na Inglaterra e mãe faz apelo nas redes sociais para trazer o corpo pra casa - Gravatá em minhas lentes

Recentes

http://www.gravataemminhaslentes.com.br/

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Estudante Gravataense morre na Inglaterra e mãe faz apelo nas redes sociais para trazer o corpo pra casa



O jovem Ivson Nunes Participava do Programa Ciência sem Fronteiras do Governo Federal, e estava em Londres - Inglaterra, onde veio a óbito.
Mas, segundo a mãe de Ivson os órgãos competentes não querem se responsabilizar pelo retoeno do corpo do estudante gravataense ao seu lar. 

A mãe de Ivson a senhora Isis Oliveira está fazendo um apelo nas redes sociais para que chegue até os órgãos competentes e que cumpram sua obrigação e tragam o corpo de seu filho pra casa, já que o mesmo foi pra Londres através de um Programa do Governo Federal .

Nós do Gravatá em Minhas Lentes também entramos nesta campanha.
#Compartilhe

O Gravatá em Minhas Lentes também deixa aqui os Pêsames a família !!

5 comentários:

  1. Gente, o Governo só tem obrigação de custear no caso de morte por acidentes, desastres, assassinato, etc... Como a perícia não constatou nada disso, o Governo / Embaixada não tem obrigação de arcar com os custos de translado e documentação. A obrigação se encerra com as orientações locais e liberação documental, essa é infelizmente a realidade.

    ResponderExcluir
  2. Lamentavel a morte ,meus pesames para a familia ,so um detalhe que mim chamou atençao este jovem e um cidadao Europeo pq a Inglaterra(London) fazem parte da Comunidade Europea e por leis Europea seu corpo tem o direito de se levado para o seu Pais de Origem ,esto no Caso que ele seja cidadao Europeo o Governo e o consulado podem lhe entregar o corpo a familia ,Agora si ele so for Estudante ou tem so Green Card ou seja um Permiso de estar aqui ,ai o governo nao podera ,mas os amigos dele aqui poderao fazer algum tipo de ajuda como Fizemos com uma Brasileira aqui que morreu fazem 3 meses e todos os brasileiros os ajudarao (claro que ela nao era cidadao Europea so tinha o Green Crad) mas si todos os ajudarem seu corpo podera voltar para o brasil e so a familia entrar enconctato com o consulado da inglaterra,espro que o consiga,,Agora claro que o Governo Brasileiro tem pela Obrigaçoes de translatar o corpo do estudante para o brasil x Gravata ,cabe o Governo Brasileiros junto com o Consulado Brasileiro assumir todos os Gasto de cada Ciddao que sair do seu pais atravez de cursos ou de intercambio ..Meus Pesames para a Familia deste Rapaz

    ResponderExcluir
  3. Ivson was actually studying in Lincoln not London! I studied with him. Make sure you contact the Lincolnshire Police!

    ResponderExcluir
  4. Ivson was actually studying in Lincoln not London! I studied with him. Make sure you contact the Lincolnshire Police!

    ResponderExcluir

Post Top Ad